Uma Bela História de Quase Suicídio. Não vale chorar! - Clique aqui e leia

Esta é uma história real de um motociclista que salva um rapaz prestes a cometer suicídio. É uma bela história de amor ao próximo, de amor de filho, de amor de mãe, que mesmo distante, jamais abandona seu filho. Mas atenção, esta história é composta por um texto e dois vídeos, para que você sinta toda a emoção, deverá ler com atenção e assistir os vídeos.


Certa vez, li um texto, onde o autor dizia que se o mundo considerasse as boas ações pelo valor economicamente gasto com o gesto, o mundo seria ainda mais pobre do que é hoje.

É verdade, porque embora seja difícil conseguir dinheiro, fazer algo para alguém sem interesse algum, deixar de lado nosso conforto ou segurança, sacrificar o nosso tempo ou mesmo colocar nossa vida em risco, nos custa muito mais do que qualquer dinheiro, isso fez as pessoas mergulharem em um ambiente de desconfiança, egoísmo e indiferença.

No entanto, homens como este herói são aqueles que nos inspiram a ser ser humanos melhores.

ASSISTA O VÍDEO:
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE




O vídeo foi gravado na noite de 20 de agosto passado, em uma movimentada rodovia de Moscou na Rússia, através de uma câmera fixada no capacete de um motociclista.

Pela natureza da estrada, os veículos passam ali em alta velocidade, incluindo motocicletas. No entanto, um homem em sua moto visualizou um jovem que estava pendurado a beira de uma ponte, pronto para saltar dela sobre a rodovia.

Sem pensar nenhum segundo, o motociclista seguiu vários metros a frente até processar a cena que acabara de ver, então ele freou a moto, fez o retorno naquela pista movimentada, na frente de outros veículos que vinham logo atrás e voltou pelo acostamento, na contra-mão, até embaixo da ponte onde estava o jovem.


Essa manobra facilmente poderia ter lhe custado a vida, mas isso não o preocupou em nenhum segundo, pois ele naquele momento tudo o que lhe importava era ajudar aquele jovem.

É nesta hora que devemos nos perguntar o que teríamos feito em seu lugar?

Poderíamos dizer que era impossível voltar lá, que se tivéssemos visto o jovem antes de pendurar-se lá teríamos ajudado ele, porém agora, seria mais sábio deixar a polícia cuidar do assunto e continuaríamos a seguir o nosso caminho.

Se o motociclista pensasse assim, uma vida, a vida desse jovem, teria sido perdida.

Felizmente, ele não era indiferente, ele voltou o mais rápido que pode certificou-se de que ele estava num ponto onde o jovem podia vê-lo e lá começava a atrair a atenção dele.

Ele parou o trânsito e começou a conversar com o rapaz, convidou-o para passear, pediu para ele não pular, disse algo simples, mas isso reflete as coisas pequenas que a vida tem e que a tornam maravilhosa como é, ele simplesmente convidou o jovem para dar uma volta em sua moto.

É incrível, mas algo tão simples como sentir o ar no rosto, parar um momento de pensar na vida e ceder às sensações, faz com que o pior dos sentimentos se torne felicidade e gratidão simplesmente por poder viver aquilo.

No começo, o jovem na ponte não cedeu, mas o motociclista não desistiu e continuou a insistir, até que finalmente conseguiu fazer o jovem sair daquela situação de perigo.

Então o motoqueiro pediu para o que jovem o esperasse sobre a ponte, pois ele iria até lá.

Alguns minutos depois o motociclista conheceu o jovem, encontrou-o com lágrimas nos olhos, mas em vez de enchê-lo de perguntas sobre as suas intenções, continuou a convidá-lo para um passeio de moto, e gentilmente perguntou para onde ele estava indo.


Foi então que o motociclista entendeu a triste história que levara o jovem a querer suicidar-se.

Ele disse que estava indo ao funeral de sua mãe, mais tarde ele confessou que ao saber que ele ficaria sozinho no mundo, que a única pessoa que cuidava dele e que o amava havia desaparecido para sempre, ele simplesmente desmoronou e sentiu que não havia outra saída, então ele subiu naquela ponte e estava pronto para dar o último passo, foi quando ele avistou um homem acenando e convidando-o a dar uma volta na sua moto.

O jovem então perguntou por que ele parou, por que esse fato chamou sua atenção se eles não se conheciam, numa tinham se visto antes, porque o motociclista tinha se preocupado tanto com ele?

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O motociclista disse-lhe que o fato de que eles não se conhecerem era irrelevante, que toda a vida era valiosa e que, se ele se sentisse só a partir daquele dia, poderiam ser amigos e sair de tempos em tempos para dar uma volta à sua motocicleta.

O jovem ficou incrivelmente confuso com as ações do motociclista, mas, infelizmente, o choque da morte de sua mãe o tornou emocionalmente instável e, apesar dos esforços do homem da motocicleta, ele tentou escapar por duas vezes. Outras pessoas que passavam por ali também pararam e acompanharam o menino até a chegada da polícia.


Depois de ver as novas tentativas de pular, do jovem, não havia outra opção senão levá-lo numa viatura para garantir que ele recebesse atenção médica e a situação de tentar suicidar-se não se repetisse.

Foi assim que as ações abnegadas de um herói, juntamente com algumas pessoas salvaram uma vida naquela noite, e eu me contai entre elas, penso que foi o amor de sua mãe que lá do céu sussurrou ao motociclista, que olhou para a ponte, e o fez, sentir em seu coração, a necessidade de voltar e ajudar aquele jovem.

Quando as mães se vão deste mundo, elas sempre encontram uma maneira de enviar anjos para ajudar seus filhos, elas nunca nos deixam sozinho!

ASSISTA O VÍDEO:
"Só que já foi órfão sabe o valor do amor de Mãe!"

FONTE: Esta história foi obtida e traduzida do site coolcloud.co


Nenhum comentário:

Postar um comentário